Arte & Literatura

Em sua coluna de design, decoração e arquitetura, Newton Lima conversa com a artista plástica Katia Wille sobre cores, formas e inspirações: “Retrato de uma mulher forte”

Carioca com Mestrado em Artes pela Universidade de Amsterdam, Katia morou e trabalhou nos últimos 15 anos entre Europa, Ásia e Brasil. Atualmente reside e trabalha no Rio de Janeiro onde tem seu atelier no Cosme Velho em uma charmosa casa aos pés do Cristo Redentor. Vem conhecer mais dessa super artista!

Publicado em 3 de abril de 2017 | Por Junior de Paula

(Ilustração: Claudia Liz)

* Por Newton Lima (@newtonlimaofficial)
www.newtonlimainteriores.com.br

Por trás dos traços da artista

Questões da busca da essência e transformações do feminino sempre povoaram as obras de Katia Wille.  A artista pensa movimento e cor integrados ao todo. A delicadeza das formas, a ação desenvolvida em círculos e entrelaces se contrapõe às suas mulheres fortes em constante movimento de afirmação.

Oceanides 1 – (2016) 60X60 cm

Nasceu no Rio de Janeiro e com Mestrado em Artes pela Universidade de Amsterdam, Katia morou e trabalhou nos últimos 15 anos entre Europa, Ásia e Brasil. Atualmente reside e trabalha no Rio de Janeiro onde tem seu atelier no Cosme Velho em uma charmosa casa aos pés do Cristo Redentor.

Katia Wille em seu atelier, no Rio de Janeiro

 

“Minhas nadadoras são o retrato de uma mulher forte que faz das situações de precariedade que a vida lhe apresenta motivo para superar seus próprios limites”

Movida pelos movimentos do Dia Internacional da Mulher, no ultimo dia 8 de março, a artista visual Katia Wille inaugurou a exposição “Fluxofloração”, sua primeira individual. Com curadoria de Isabel Sanson Portella, a mostra conta com diversas telas que retratam a afirmação feminina em comunhão com a natureza.

Simbiose 2016 100X100 cm

Katia propõe ao público envolvimento em suas obras, como um mergulho em uma nova realidade. As nadadoras de várias raças, presentes em todas as suas obras, fluem por florestas e flores em forma intacta e perfeita. Em cada série, a artista retrata uma mulher disposta a ultrapassar seus próprios limites, focando no rompimento das barreiras impostas pelo ser humano a si próprio.

Expira (2017) 20X20cm

Como um espelho da mulher contemporânea as nadadoras representam um ser à procura de seu espaço, sempre em movimento de afirmação da identidade feminina. Fortes e de expressões marcantes se contrapõe à leveza e delicadeza da natureza em seu redor.

A seguir, meu bate papo com a artista:

NL – Katia, muitos já conhecem seu talento para a moda. Como se deu essa transição para a pintura?
KW A transição se deu de forma bem natural, meu processo de criação na moda sempre envolveu pintura e desenho, pois eu criava além das silhuetas, as estampas e os desenhos dos tecidos. A partir de 2008, quando fui morar em Amsterdam, montei o meu primeiro atelier de pintura e comecei a organizar a transição da plataforma de moda para a arte.

Fluxofloração (2017) 300X150 cm

NL – A serie “Fluxofloração”, segue em exposição no CCJF ate o dia 30 de abril. De onde veio essa inspiração?
KW – Venho desenvolvendo continuamente desde 2015 a temática do feminino. Foram 4 séries que retratam a busca e os questionamentos da mulher contemporânea. Acredito que o ápice desta reflexão pode ser visto em “Fluxofloração”, onde a afirmação do feminino se faz muito presente e o movimento já não é mais em torno de si mesma. Há, intencionalmente, a força dos olhares e gestos. Nas telas as figuras femininas estão de pé e agora o movimento que antes era das nadadoras, vem das folhas e flores que se fundem com a pele das mulheres, em total comunhão com elas e seu meio. As nadadoras estão livres de tudo que as prendeu no chão para exercerem sua independência e força feminina.

NL – Podemos assumir que as cores já se tornaram uma de suas marcas registradas?
KW – Sim, acredito que as cores tem e sempre tiveram um papel fundamental na minha obra. São o convite sensorial ao espectador, uma forma instintiva de atrair as pessoas a sentir a imagem antes mesmo de racionalizar ou se identificar com a sua mensagem. A intenção é que a simbiose entre cores e formas leve as pessoas a sentir-se parte da obra e provoque o engajamento com o tema ( sentir, engajar, agir, mudar o olhar).

Tedhys e as Oceanides (2016) 240X240 cm

NL – Suas séries são bastante distintas nas formas e concepções. Como você define o seu estilo?
KW – Apesar de serem distintas, procuro ter um fio condutor entre uma série e outra. São uma evolução de pensamento. Em cada nova serie existe um pouco da última. Vão se desfazendo de mim aos poucos, até o momento em que ha uma ruptura e nasce uma nova temática.

Instalação de pratos de vidro. “ Fragmentos” em tamanhos variados e “As gêmeas” 40X40cm (2016).
Na foto, Newton Lima e Kátia Wille.

NL – Que dica você deixa a quem esta começando ou pensa em alçar voos na arte como profissão?
KW Persistência, pratica, dedicação, seriedade e muito boa sorte!

Barbara (2017) 40X40cm

Katia segue expondo 16 telas da série “Fluxofloração” no CENTRO CULTURAL JUSTIÇA FEDERAL (CCJF) até o dia 31 de abril. Imperdível!!!


Endereço:
Av. Rio Branco, 241 – Centro – Rio de Janeiro – RJ
Horário: terça a domingo, das 12h às 19h

Telefone: (21) 3261-2565 

E como já nos acostumamos com os vídeos por aqui, vejam esse “making of” da produção de um dos quadros preparado pela Katia:

Na próxima coluna vou dividir com vocês a experiência da minha última viagem ao Marrocos! Até lá!

 

Leia Mais: O Site HT tem a honra de apresentar o designer de interiores e nosso novo colunista Newton Lima, que, toda segunda-feira, vai falar de arquitetura, design e decoração 

Leia Mais: Newton Lima fala sobre pequenos detalhes que fazem toda a diferença na sua casa. “Na contramão das teorias, as mudanças vêm de fora pra dentro”

Leia Mais: Em sua coluna semanal sobre design, arquitetura e decoração Newton Lima explica: “Design: a concepção de um produto no que se refere a sua forma física e funcionalidade”

Leia Mais: Newton Lima, nosso colunista cool de design, arquitetura e decoração, entra no clima do Natal e dá dicas sensacionais de presentes e de como montar a árvore. 

Leia Mais: Em sua coluna de design, decoração e arquitetura, Newton Lima dá dicas de como escolher o tapete ideal e sobre a funcionalidade dos ambientes

Leia Mais: Newton Lima em sua coluna de design, decoração e arquitetura no site HT dá dicas infalíveis para criar a iluminação correta de um ambiente

Leia Mais: Newton Lima fala sobre a importância dos quadros em um projeto de decoração: “A Arte não tem preço, e o valor de uma obra é você quem dá”

Leia Mais: Newton Lima dá dicas de como escolher a cor certa para a sua casa: “Elas podem ser tanto sensual e passional quanto calmante e de meditacão”

Leia Mais: Em sua última coluna de 2016, junta o universo dos quartos infantis às raízes do artesanato brasileiro

Leia Mais: Newton Lima mostra os bastidores e os profissionais responsáveis por mais um passo importante em sua trajetória: o lançamento de seu novo site

Leia Mais: Newton Lima facilita o trabalho de quem pode optar pelo home office e apresenta as melhores opções de como montar o escritório perfeito

Leia Mais: Newton Lima investiga a arte com toques geométricos e poéticos de Antonio Bokel e os móveis com pinceladas modernistas e cubistas da “,OVO”

Leia Mais: Nosso colunista de design, decoração e arquitetura, Newton Lima ensina a arte de preparar uma mesa impecável para receber em casa

*Formado em administração de empresas e com MBA em gestão de Negócios, o designer de interiores, realizador e cenógrafo se reinventou recentemente, quando abriu a Newton Lima Interiores e viu seu nome crescer. Nas redes sociais ele já soma mais milhares de seguidores no Instagram (@newtonlimaofficial), por conta da sua curadoria de imagens e assuntos, fruto de seu olhar atento e muito criterioso. E é isso que podemos esperar em sua coluna semanal no site HT: o design brasileiro e do mundo, arquitetura, decoração e o que mais couber e vier do seu radar ligado 24 horas por dia

Pesquisas relacionadas