Arte & Literatura

Newton Lima dá dicas de como escolher a cor certa para sua casa: “Elas podem ser tanto passional e sensual quanto calmante e de meditação”

Nosso colunista cool de design, decoração e arquitetura ainda apresenta o conceito da roda de cores, anuncia a tinta do ano, escolhida pela Suvinil, e exemplifica as sensações que cada tom no ambiente pode proporcionar

Publicado em 19 de dezembro de 2016 | Por Junior de Paula

NL-cinza-arte-sitea

Ilustração: Claudia Liz

* Por Newton Lima (@newtonlimaofficial)

Uma casa é muito mais do que um telhado sobre nossas cabeças. Nossas residências se desenvolveram muito ao longo dos tempos, e cada vez mais precisam ser construções incrivelmente versáteis que servem como restaurante, jardim da infância, hotel, escritório, biblioteca e refúgio de um mundo interconectado. O lugar onde vivemos deve ser apreciado, oferecer proteção, descanso, paz e inspiração a todos os que passarem por ali. A cor pode alterar radicalmente qualquer espaço dentro de uma casa. As possibilidades disponíveis nas tintas modernas são ilimitadas, podendo transformar qualquer ambiente pelo uso inteligente das tonalidades. Cores pálidas e brancos podem renovar um ambiente resgatando uma atmosfera iluminada e espaçosa. No entanto, não é muito prático modificar as cores de uma casa com tanta frequência…

fullsizerender-4-1

Harmonização de cores e elementos – verde / laranja / tecidos

Em todo o mundo culturas diferentes atribuem significados para determinadas cores. A cor pode ser tanto passional e sensual quanto calmante e de meditação, e elas nos impressionam como um luxo moderno. Há apenas cem anos a cor estava reservada aos ricos, não havia televisão em cores, livros ou revistas coloridas ou mesmo plásticos coloridos e existiam poucos tecidos tingidos. Para a grande maioria, o mundo se resumia a muitos tons de cinza e somente a partir da década de 50 a indústria química tornou possível a produção de cores variadas para tintura e pintura.

ipanema

Projeto Ipanema – o vermelho contrasta sobre os tons de amarelo e verde

Como escolher a cor? 

A pintura é uma maneira simples e econômica de revitalizar completamente qualquer área da casa. Nunca houve tanta variedade de cores em tintas, estampas, móveis e tecidos. Mas com tantas opções, por onde devemos começar? Muitos fatores devem ser considerados antes de começar um trabalho de preencher um espaço com cor. Algumas perguntas podem auxiliar nesse processo:

– Qual é a finalidade desse ambiente?
– Quem usa mais esse local?
– Em quais horários do dia será mais utilizado?
– Quanta luz natural esse espaço recebe?
– Quais são as características arquitetônicas presentes?
– Que móveis estão ou estarão nesse local?
– Que cores já estão presentes nos arredores e que serão mantidas?
– Que sensações você quer que o ambiente transmita?

sala

Projeto Jardins I – predominância das cores verde e rosa na composição.

A roda de cores

Consiste em um diagrama desenvolvido em 1878 pelo fisiologista alemão Ewald Hering que mostra a disposição das cores primárias e suas variações:

– Harmoniosas
Cores primárias: vermelho, azul, verde e amarelo. Quando misturadas, são produzidas as cores secundárias – Violeta, vermelho alaranjado, laranja e amarelo esverdeado. A medida que movimentamos a roda, percebemos a harmonia entre as cores vizinhas.

– Complementares
São as cores que se encontram em sentido imediatamente oposto na roda, em contraste: amarelo e violeta, vermelho e verde, laranja e azul, vermelho violeta e amarelo esverdeado. Tais combinações asseguram incríveis resultados vibrantes.

roda_cor

Painel Semântico – para que serve e como fazer?
Esses painéis auxiliam na visão geral de um projeto, tanto na escolha das cores quanto dos elementos que estarão no ambiente. Sua execução é bastante simples e nos remete aos trabalhos de educação artística nos tempos do colégio.

Em uma placa grande ou sobre uma superfície plana, disponha materiais referenciais e pense sobre a aparência deles em conjunto. Brinque com a escala, a proporção e a cor nessa área, procurando encontrar uma combinação harmoniosa. Leve em conta as cores que irão predominar em paredes e pisos (a roda das cores será muito útil aqui). Disponha pelo espaço alguns pedaços de madeira nos tons reais do ambiente e estampas similares as que estarão nos tapetes e almofadas (flores, listras…). Fotos de viagens com referências arquitetônicas que você curte também entram na composição.

A partir desse resultado, a definição das nuances e padrões a serem utilizados na sua decoração se tornará muito mais simples, visto que uma prévia do projeto final acaba de ser testada e aprovada.

fullsizerender-6

Exemplo de painel Semântico: texturas, pinturas, tecidos e cerâmicas unidos pelas cores azul e branco

A cor de 2017

Recentemente, a revista Casa Vogue promoveu pelo segundo ano consecutivo um evento com duração de 5 dias, o “Casa Vogue Experience” por onde passaram diversos profissionais de várias áreas compartilhando seus conhecimentos e expertises com o público. E foi nessa oportunidade que conheci a pesquisadora Ana Kreutzer, da Tintas Suvinil que falou das cores e tendências para 2017. Confiram minhas anotações:

“A palavra que norteou nossa pesquisa foi LUZ”, conta Ana. “A sociedade passa por um importante momento de reflexão sobre a própria essência. É hora de rever escolhas, repensar quem somos e o que estamos fazendo”, completa.

O termo Luz propõe uma imersão no profundo, no autoconhecimento, nas alternativas para velhos problemas. Nesse resgate por nossas origens o tema nomeado de Substancial traz à tona a busca por nossas raízes e origens, movimento crescente no Brasil. Designers como Sergio Matos, Irmãos Campana e Marcelo Rosembaun mergulharam em regionalismos e assim conquistaram repercussão internacional.

Além da esfera estética, há um aspecto social nessa valorização. E é dentro do tema Substancial está a Cor do Ano para 2017 da Suvinil: Cortina de Teatro.

img_0155

“É um vermelho violetado, que remete a brasilina, pigmento extraído do pau –Brasil, símbolo da identidade brasileira”, diz Ana.

Confiram a apresentação completa com demais tendências apontadas pela Suvinil no link: goo.gl/UtmjeY

Dicas – as sensações intensificadas pelas cores

Somos emotivos e o mundo moderno estimula cada vez mais emoções dentro de nós, e muitas vezes não temos conhecimento dos efeitos que o mundo visual tem sobre nossos sentidos e sensações. Vejam isso:

– Rosa – divertido, positivo e feminino
– Vermelho – passional, ousado e íntimo
– Alaranjado – criativo, aconchegante e quente
– Amarelo – vivaz, acolhedor e enérgico
– Verde – tranquilizante, revigorante e harmonioso
– Azul – calmo, tranquilo e sereno
– Violeta – espiritual, refrescante e estimulante

Portanto, antes de decorar, reserve um tempo para primeiro considerar como você quer se sentir no ambiente.

– Faça testes com diferentes tonalidades na parede e observe como as cores mudam do dia para a noite.
– Grandes marcas de tintas disponibilizam pequenas amostras para testes – é um investimento mínimo que poderá impactar enormemente sua rotina futura.

b501fd0e-fda8-4405-8fc2-0285d99f02c3

Projeto Moema – Azul e laranja aquecem o Studio de 38m2

Muitas cores ainda estarão presentes na nossa próxima coluna, quando vamos abordar o artesanato. Ah! Decoração de quartos infantis também! Não percam!

Até lá!

Leia Mais: O Site HT tem a honra de apresentar o designer de interiores e nosso novo colunista Newton Lim, que, toda segunda-feira, vai falar de arquitetura, design e decoração 

Leia Mais: Newton Lima fala sobre pequenos detalhes que fazem toda a diferença na sua casa. “Na contramão das teorias, as mudanças vêm de fora pra dentro”

Leia Mais: Em sua coluna semanal sobre design, arquitetura e decoração Newton Lima explica: “Design: a concepção de um produto no que se refere a sua forma física e funcionalidade”

Leia Mais: Newton Lima, nosso colunista cool de design, arquitetura e decoração, entra no clima do Natal e dá dicas sensacionais de presentes e de como montar a árvore. 

Leia Mais: Em sua coluna de design, decoração e arquitetura, Newton Lima dá dicas de como escolher o tapete ideal e sobre a funcionalidade dos ambientes

Leia Mais: Newton Lima em sua coluna de design, decoração e arquitetura no site HT dá dicas infalíveis para criar a iluminação correta de um ambiente

Leia Mais: Newton Lima fala sobre a importância dos quadros em um projeto de decoração: “A Arte não tem preço, e o valor de uma obra é você quem dá”

*Formado em administração de empresas e com MBA em gestão de Negócios, o designer de interiores, realizador e cenógrafo se reinventou recentemente, quando abriu a Newton Lima Interiores e viu seu nome crescer. Nas redes sociais ele já soma mais milhares de seguidores no Instagram (@newtonlimaofficial), por conta da sua curadoria de imagens e assuntos, fruto de seu olhar atento e muito criterioso. E é isso que podemos esperar em sua coluna semanal no site HT: o design brasileiro e do mundo, arquitetura, decoração e o que mais couber e vier do seu radar ligado 24 horas por dia

Pesquisas relacionadas

  • Fabio

    Parabéns pela matéria! Já se foi o tempo em que o desafio era somente escolher a cor da tinta e forrar o chão com jotnal. Cada detalhe conta mesmo!

  • Joelma

    Q alegria quando juntamos cor e Talento !!